Atlas Temático:
Migrações Internacionais da Região Sul

A publicação tem a autoria das Professoras Cláudia Siqueira Baltar (UEL/ Observatório das Migrações de Londrina) e Rosana Baeninger (NEPO-UNICAMP/ Observatório das Migrações em São Paulo), e do Professor Ronaldo Baltar (UEL / Observatório das Migrações de Londrina).

Contém o levantamento, organização e sistematização de dados provenientes de diferentes fontes de informação: o Sistema de Registro Nacional - SISMIGRA, o Comitê Nacional para Refugiados - CONARE, a RAIS do Ministério da Economia e o Censos da Educação Básica e do Ensino Superior (INEP – Ministério da Educação).

Next

Informação para pesquisa e ação

Na consolidação do Brasil como rota das migrações internacionais contemporâneas, a Região Sul tem um papel importante, registrando, tanto com fluxos oriundos Europa e América do Norte, como de imigrantes provenientes de diversos países do Sul Global. Diante deste fato, a publicação do Atlas reveste-se de grande importância, pode subsidiar políticas públicas, auxiliar associações de imigrantes, instrumentalizar debate sobre a temática e estimular pesquisas futuras.

Next

Colaboração

A elaboração do Atlas envolveu vários parceiros

As parcerias institucionais são: UEL, NEPO/UNICAMP, UNICENTRO-Guarapuava, UNFPA, Ministério Público do Trabalho de São Paulo, OAB-Londrina, Defensoria Pública da União (Londrina) e Caritas Arquidiocesana de Londrina. Apoio institucional da Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA), Organização Internacional para as Migrações (OIM), Ministério Público do Trabalho, CNPq, Observatório das Migrações em São Paulo e Observatório das Migrações de Londrina.

Next

Baixe o Atlas na íntegra

Baixe o Atlas Temático - Migrações Internacionais na Região Sul em pdf na íntegra a partir do Núcleo de Estudos de População "Elza Berquó" NEPO/UNICAMP e assista o vídeo de lançamento, ocorrido no dia 18 de dezembro de 2020, pelos endereços abaixo


Vídeo de Lançamento Baixar o Atlas

Next

Publicações recentes

Migrações Venezuelanas

Capítulo: Política de interiorização da migração venezuelana recente: considerações a partir do estado do Paraná - Cláudia Siqueira Baltar, Ronaldo Baltar e Deusa Fávero


Baixe o livro

Migrações Internacionais e Covid-19

Capítulo: Covid-19, distanciamento social e o risco de “desfiliação social”: refletindo sobre implicações e significados para os imigrantes internacionais a partir do Brasil e do Paraná – Cláudia Siqueira Baltar e Ronaldo Baltar

Baixe o livro

Migrações Sul-Sul

Capítulo: Migrações internacionais e política: uma agenda “pós-materialista” para o debate político eleitoral no Brasil? - Cláudia Siqueira Baltar e Ronaldo Baltar


Baixe o livro

Next

Sobre o Observatório de Populações e Políticas Públicas

O Observatório das Migrações de Londrina é um Projeto de Pesquisa, vinculado ao Grupo de Pesquisa CNPq Observatório de População e Políticas Públicas, ambos sob a coordenação da Profa. Cláudia Siqueira Baltar, do Departamento de Ciências Sociais, da Universidade Estadual de Londrina (UEL). Desde 2016, o Observatório das Migrações de Londrina desenvolve pesquisas sobre temáticas das migrações, internas e internacionais, investigando as diferentes dimensões dos processos migratórios, bem como as suas vinculações com a redistribuição espacial da população, urbanização, rede de cidades, politicas migratórias e políticas de desenvolvimento. Quanto à produção de estudos e investigações, o Observatório tem fortalecido importantes parcerias institucionais inter e intraestaduais, com pesquisadores do Núcleo de Estudos de População “Elza Berquó” (NEPO), da Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, e com o Grupo de Pesquisa Dinâmicas Política, Econômica e Social (GEPES), da Universidade Estadual do Centro-Oeste, UNICENTRO-Guarapuava. No contexto local, o Observatório tem atuado no debate acerca das migrações internacionais contemporâneas e das ações de acolhida e atendimento aos imigrantes e refugiados, em parceria com entidades e organizações da sociedade civil e do poder público, através das atividades do GT Migrantes e Refugiados de Londrina e Região, coordenado pela Caritas Arquidiocesana de Londrina, e que conta o envolvimento de representantes da Defensoria Pública da União, da OAB-Londrina e de diferentes setores do poder público.